Mãe sufoca filha, posta no WhatsApp e é presa

Em Mangabeiras mãe é presa acusada de agressão contra filha de 6 meses


A Policia Militar na cidade de São Raimundo das Mangabeiras, recebeu informações nesta terça feira (19) por volta de 9:30 da manhã que havia um vídeo postado postado no WhatsApp e no Portal Meio Norte.

No referido filme a a mãe aparece sufocando uma bebê de 6 meses com uma fralda; enquanto a criança chora ela discute com uma terceira pessoa, e diz:

Rapaz essa menina me atrapalha em tudo.... (3ª pessoa) “não se estresse que o mal que você fez a ela, você vai pagar” (Mãe) é uma desgraça.... (3ª pessoa) “Deus ouça suas palavras” (Mãe) “me estresso contigo que não vem pegar ela pra ti.

A Equipe comandada pelo Sgtº PM Amorim, realizou diligências e conseguiu identificar e prender a autora das agressões, trata-se de Andressa Freitas de Sousa, 20 anos, moradora em São Raimundo das Mangabeiras – MA. Segundo informações extra oficiais a autora da agressão será transferida para a Delegacia Regional de Policia Civil em Balsas–MA.

Andressa foi presa após ameaçar a filha e enviar vídeo pelo WhatsApp
Segundo o major Nelson, as imagens foram gravadas pela jovem no último domingo, dia 17, e começaram a ser compartilhadas via aplicativo Whatsapp até chegar ao conhecimento da polícia militar. “A intenção dela era voltar a ter um relacionamento com o pai da bebê”, conta o policial. Em conversa com o ex-marido, que mora em Balsas (MA), mas ainda não foi localizado pela PM, Andressa se queixa da criança e a chama de "desgraça".

O texto da jovem foi 'printado' e compartilhado onde ela fala mal do tratamento que dá à criança. "Essa menina me atrapalha em tudo. É uma desgraça. Vem buscar ela", reclama ela, de maneira fria, em uma conversa com o pai da bebê via Whatsapp, como mostra a imagem:

O delegado do Distrito Policial de São Raimundo das Mangabeiras, David Noleto, que conduziu a investigação que resultou na prisão de Andressa, disse ao O Olho que a jovem prestou depoimento e admitiu ser ela a mulher que aparece sufocando a criança no vídeo.

“Ela não mostrou nenhuma reação e nos contou que fez a gravação para provocar o pai da menina”, conta delegado. A prisão aconteceu na residência da mãe de Andressa, que revelou não ter conhecimento da atitude da filha. A polícia levantou informações de que o pai da criança, David Oliveira, mora atualmente no Pará e tem passagem pela polícia pelo crime de roubo.

Andressa será indiciada por maus-tratos. A pena pelo crime é dois anos de reclusão. “Ainda terá um acréscimo por se tratar uma criança de apenas seis meses”,informa o delegado David Noleto.

O Conselho Tutelar foi acionado e decidiu que a criança ficará sob a guarda da avó materna. Participaram da ação que resultou na prisão de Andressa os policiais Talvane, Amorim e Bogéia.

Nota do editor da Aldeia: Andressa concedeu entrevista ao JBN onde se defende das acusações: assista o vídeo:

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger