Jaldes Meneses: Somos todos irmãos

Foto: Facebook

Refugiado sírio empunha a bandeira da União Europeia em marcha rumo à Alemanha - pátria de Kant. A primavera árabe chegou cosmopolita à Europa e tem sido recepcionada como benfazeja pela solidariedade da maioria dos cidadãos europeus.

O mundo é mesmo complicado e em movimento permanente. Não sou ingênuo mas realista. Exatamente porque me considero realista, os paradoxos e as contradições me fascinam, assim como Manuel Bandeira (um contumaz eleitor de Carlos Lacerda) escreveu que não queria saber de poesia que não fosse libertação.

Evidentemente, hoje, a nossa visão da primavera árabe de 2011 deve vir enriquecida do que se passou desde então, principalmente das perversas resultantes da nova diáspora, cujas contribuições dos estados americano, europeu e - por que esquecer ou omitir? - russo, bem como do fundamentalismo islâmico do Isis foram terríveis.

Por isso, e contra esses, saúdo neste momento a demonstração de espírito cosmopolita dos cidadãos europeus que, nas estações de trem da Áustria, estendem cartazes de “welcome” ao irmão sírio. Parafraseando o lema original da Liga dos Comunistas, antes do famoso manifesto de 1848: Somos todos irmãos!

Jaldes Meneses

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger