JEJ 2015: 3,7 mil participam da competição que começa hoje

Os Jogos Escolares da Juventude Londrina e Maringá (PR) 2015 – etapa de 15 a 17 anos – terão início nesta quinta-feira, dia 12, às 18h, com a realização da Cerimônia de Abertura, no Ginásio Moringão, em Londrina. A maior competição esportiva estudantil do país envolverá quase 6 mil pessoas, entre elas mais de 3.700 atletas de 26 estados do Brasil, além de uma delegação de Londrina. A competição terá disputas em 13 modalidades: atletismo, basquete, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, vôlei, vôlei de praia e xadrez. A cidade de Maringá receberá as competições de atletismo, que serão realizadas no Estádio Willie Davids. As provas têm início a partir das 8h30 desta sexta, dia 13, e seguem até 21 de novembro.

Aldeia Global publicou sobre Jogos Escolares 2015, etapa de Fortaleza:
Fortaleza 2015: MA nos Jogos Escolares da Juventude
@FlavioDino confraterniza com atletas campeões
Maranhão é ouro também no vôlei masculino

Organizados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), os Jogos Escolares da Juventude são o maior celeiro de atletas olímpicos do país, revelando, a cada ano, novos talentos para o esporte brasileiro. Além da identificação de atletas para o alto rendimento, o objetivo do evento é contribuir para a inserção social dos jovens através do esporte. Ampla grade de atividades socioculturais também integra a programação do evento, que tem como tema “Igualdade de gênero no esporte”.
Agora, a etapa de 15-17 anos dos JEJ 2015. Foto: COB
Nesta quinta pela manhã, parte do time de embaixadores dos Jogos Escolares da Juventude Londrina e Maringá 2015 foi apresentado. Estiveram presentes Luciano Pagliarini (ciclismo), Shelda Bede (vôlei de praia), Charles Chibana (judô), Angélica Kvieczynski (ginástica rítmica) e Fabíola Molina (natação). Completam a equipe Vanderlei Cordeiro de Lima (atletismo), Aline Silva (luta olímpica), Josuel Santos (Basquete), Fofão (vôlei), Lenísio Teixeira Júnior (futsal) e Diogo Hubner (handebol).

Entre os embaixadores, o clima é de expectativa para o início do evento e do maior contato com os estudantes. Natural de Londrina, o ciclista medalha de bronze nos Jogos Pan-americanos Rio 2007 Luciano Luciano Pagliarini falou do orgulho de ter os Jogos Escolares no Paraná. “É uma honra muito grande receber todos vocês aqui em minha casa, em minha cidade. Sejam todos bem-vindos”, afirmou Pagliarini.

Bicampeão dos Jogos Escolares Juventude, em 2005 e 2006, e medalha de ouro no Pan de Toronto 2015, o judoca Charles Chibana também falou sobre a importância do evento. “Para mim, é um orgulho estar passando aquilo que a gente sabe para quem está começando. Eu já tive essa experiência aqui nos Jogos”, lembrou Chibana.

A exemplo do Chibana, os Jogos Escolares da Juventude já revelaram vários atletas para o alto rendimento, como a campeã olímpica Sarah Menezes e a campeã mundial Mayra Aguiar, ambas do judô. Na delegação brasileira que disputou os Jogos Olímpicos Londres 2012, 17 atletas do Time Brasil já haviam passado pela competição estudantil. O evento acompanhou também o desenvolvimento de atletas como as finalistas olímpicas Rosângela Santos e Ana Claudia Lemos, do atletismo; do semifinalista Leonardo de Deus, da natação; além do jogador de basquete Raulzinho, atualmente na NBA. Já nos Jogos Pan-americanos Toronto 2015, 75 atletas da delegação brasileira tiveram passagem pelos Jogos Escolares.

Para a nadadora Fabíola Molina, medalhista nos Jogos Pan-americanos de Mar del Plata 1995, Winnipeg 1999, Rio 2007 e Guadalajara 2011, os Jogos Escolares são uma experiência marcante para todos. “Muito orgulho de o Brasil ter um evento como este. Só posso agradecer a oportunidade de estar aqui e contribuir para que possamos perseverar no esporte”, destacou Molina, como também lembrou a atleta pan-americana de ginástica rítmica Angélica Kvieczynski. "Esporte e educação caminham juntos e isso é muito bom. O evento é muito importante para preparar os atletas para essa vivência do esporte e da vida", disse Kvieczynski, seis vezes medalhista em Jogos Pan-americanos e bicampeã sul-americana.

Medalhista de prata nos Jogos Olímpicos Sydney 2000 e Atenas 2004, a jogadora de vôlei de praia Shelda Bede, que não teve a oportunidade de participar de um evento da magnitude dos Jogos Escolares na infância, falou sobre a importância do evento. “Esta é uma oportunidade incrível e muito importante, já faz uma diferença na vida desses jovens. É uma troca de experiência, não só eles ganham, mas nós também ganhamos com eles. O esporte mudou minha vida e espero que mude a deles também”, declarou Shelda.

Edição 2015

Também nesta quinta, o gerente-geral dos Jogos Escolares agradeceu ao prefeito e ao presidente da Fundação de Esportes de Londrina, respectivamente, Alexandre Kireeff e Vilmar Caus, e ao vice-presidente da Coca-Cola Brasil para os Jogos Olímpicos Rio 2016, Flavio Camelier, o apoio para a realização da maior competição esportiva escolar do país. “A cidade de Londrina cumpriu todos os requisitos para receber, pela segunda vez seguida, os Jogos Escolares da Juventude. A gente gostaria de agradecer a todos que acreditam e fazem este projeto se tornar realidade”, declarou Hubner.

Ex-judoca, o prefeito Alexandre Kireeff falou sobre a importância do esporte e de ter atletas de várias gerações em Londrina, como organizadores, embaixadores e atletas dos Jogos. “Eu queria que os Jogos nunca deixassem Londrina. É uma honra, um privilégio ter tantas pessoas em nossa cidade agindo em prol dos esportes. Desejo a todos que sejam bem sucedidos, que esta edição seja repleta de sucesso”, declarou o prefeito, em pensamento compartilhado com Flavio Camelier. “Será uma honra voltar a Londrina e perceber o quanto este evento fez bem à cidade. A história dos atletas que aqui estarão pode servir de inspiração para milhões de jovens do Brasil. Nós estamos aqui por isso e acreditamos nessa parceria com o Comitê Olímpico do Brasil, que teve início em 2013”, afirmou vice-presidente da Coca-Cola.

Competição

As disputas das nove modalidades individuais dos Jogos Escolares da Juventude 2015 serão realizadas em sete locais de Londrina desta sexta-feira, dia 13, até o domingo, dia 15. As praças esportivas são Autódromo Ayrton Senna (ciclismo), Ginásio Fioravante Pedro Scolari (ginástica rítmica), Centro de Eventos (judô e luta olímpica), Arel (natação), UEL (tênis de mesa), aterro do Lago Igapó (voleibol de praia) e Sesi (xadrez). As provas de atletismo serão no Estádio Willye Davids, em Maringá.

Pelas modalidades coletivas, as partidas serão realizadas em 16 locais de competição: Bandeirantes, Sesi, Ginásio José Ajala – Cambé e Sest/Senat (basquetebol); Ginásio Pedro Dias, Ginásio Fioravante Pedro Scolari, Ginásio Edilson Carlos Marigo e UEL (futsal); Centro de Eventos de Londrina, Moringão, Anália Franco e Unopar (handebol); e KEC, Banestado, AABB e Arel (voleibol). Os torneios desses quatro esportes acontecerão entre 17 e 21 de novembro.

COB

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger