Sampaio vence mais uma no Castelão

Missão superada. Autoritário, o Sampaio não deu chances ao seu adversário goiano, e venceu mais uma no Castelão. A vitória de 2×0 deixou a Bolívia Querida colada no G4, mais viva do que nunca no campeonato.

Ciente de que um único resultado lhe importava, o Sampaio tratou de ocupar o campo ofensivo do Atlético/GO, desde os minutos iniciais. Era preciso agredir, incomodar, buscar o gol, sem se expor demasiadamente.

Ardiloso, o adversário assustava em jogadas aéreas, buscando a gloriosa bola de ouro. Estratégia adotada pela maioria das equipes que enfrentam o Tricolor no Castelão. Atenta, a retaguarda boliviana não se deixava surpreender.

Sólido, o sistema defensivo do Atlético/GO funcionava corretamente, até Edgar entrar em ação, desmontar os zagueiros e servir Válber, que só empurrou para o fundo das redes. Placar aberto.

Daniel Damião quase amplia em chute de fora da área, mas o goleiro goiano desviou o torpedo para escanteio. O Sampaio queria mais.

O duelo ficou um pouco mais aberto. Apenas defender não resolvia a vida do Atlético, que tentava apertar, mas a timidez lhe impedia de fustigar a defesa do Sampaio com mais propriedade.

A partida estava sob controle, e assim persistiu até o apito final da primeira etapa. Faltavam 45 minutos para garantir os valiosos três pontos.

Sabendo que não há jogo ganho antes do apagar das luzes, o Sampaio tinha uma intenção: Definir a parada, sem levar sustos, de preferência.

Insolente, o Atlético Goiano tentava intimidar, mas esbarrava na muralha Tricolor, atenta, quase intransponível. A sensação de vitória pairava no ar, mas era preciso decidir, sepultar as armadilhas do destino.

Henrique entendeu o recado. Sorrateiro, roubou a bola na linha de fundo e cruzou pra dentro da área, encontrando Douglas, que não deixou passar. Mandou pro gol. Bolivão 2×0. Explosão nas arquibancadas.

Satisfeito com o resultado? Errado. O Sampaio queria mais. Pimentinha foi pro jogo e, ao lado de Henrique, levou a defesa do Atlético Goiano à loucura. O ataque Tricolor ficou infernal.

Apesar da pressão pelo terceiro gol, o placar se consolidou. Foi o bastante. A vitória estava garantida.

Agora, o desafio é duplo fora de casa. A batalha pelo acesso continua. Faltam somente três atos para definir o seu destino, e o Sampaio chega fumaçando nessa reta final.

Ficha Tricolor
Rodrigo; Daniel, Plínio, Luiz Otávio e Raí; Léo Salino, Diones, Válber (Dê) e Nádson (Pimentinha); Edgar (Henrique) e Douglas.

SampaioCorreaFC

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger