Justiça solta PM acusado de matar cinegrafista Carvalho

G1

A juíza Ana Lucrécia Reis expediu, nessa terça-feira (7), alvará de soltura para o soldado da Polícia Militar Jean Claude dos Reis Apinagé, suspeito de ter assassinado o cinegrafista José de Ribamar Carvalho Filho, no dia 29 de novembro de 2014. Preso desde 1º de dezembro do ano passado. Ele estava preso no quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão, em São Luís.

No alvará de soltura foram destacados alguns pontos alegados pela defesa do policial como controvérsia relacionada à arma utilizada no crime e laudos periciais mencionados pelo Ministério Público (MP) que não existiam na época do ajuizamento da denúncia.

Elucidação do assassinato do cinegrafista Carvalho retorna a estaca zero
A magistrada citou, também, a falta de provas produzidas e documentadas no inquérito policial. Segundo a decisão, não existe qualquer indicativo que aponte que o acusado em liberdade possa pôr em risco à paz social e à ordem pública. De acordo com o documento, o PM pode voltar às suas atividades como policial, mas exercendo somente funções administrativas, que não necessitem do uso de armas. Se descumprir as obrigações, Jean Claude pode voltar à prisão.

Entenda o caso

O cinegrafista José Ribamar Carvalho Filho, de 48 anos, foi assassinado com cinco tiros na noite de 29 de novembro de 2014, em um bar da rua Monte Castelo, na cidade de Imperatriz. O suspeito, ainda, efetuou vários disparos contra a casa dos pais da vítima, a cerca de 100 metros do local do assassinato.

A primeira hipótese da polícia foi a de tentativa de assalto, mas, durante as investigações, essa possibilidade foi descartada. Em depoimento, o policial Jean dos Reis Apinajé afirmou que não se lembrava de nada, mas admitiu ter usado drogas na noite do crime.

Carvalho desempenhava a função de produtor e coordenador de TV e também trabalhava como repórter cinematográfico. Além da morte do cinegrafista, o policial foi acusado pelo então delegado regional, Assis Ramos, de ter matado um homem no bairro Bacuri, horas após o assassinato do cinegrafista.

Nota do editor da Aldeia: As fotos e a legenda são da Aldeia. O original do G1 é desprovido destes recursos.

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger