Páscoa: Emap reordena fluxo nos Terminais

Maria Jansen Cutrim

São Luís, MA. Cerca de 12.000 pessoas atravessaram a Baía de São Marcos de ferry boat nesta quinta-feira (02) e a previsão é de que outras 4.000 pessoas embarquem nesta sexta-feira (03), para aproveitar o feriado da Semana Santa. A média, em período normal, é de 1.500 passageiros por dia. O foco do trabalho coordenado pelo governo do Estado, por meio da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), para este período foi a prevenção, com reordenação do fluxo de veículos e passageiros no interior dos terminais. Desse modo foi possível atender à demanda desta quinta-feira (02) no Terminal da Ponta da Espera, garantindo segurança aos usuários do transporte marítimo.

A estratégia contou ainda com combate à superlotação de ônibus e vans, reforço policial e organização de tráfego, controle de documentação no embarque de adolescentes e crianças, presença de ambulância, blitz de educação no trânsito e instalação de banheiros químicos para apoio na espera pelo embarque.

Cojupe

Cojupe

“Organizamos uma mudança no fluxo de pessoas visando à segurança e conforto dos passageiros, principalmente de idosos, crianças, gestantes e pessoas com dificuldade de locomoção” afirmou o gerente de Terminais Externos da Emap, Glauco Vaz.

A melhor fluidez no fluxo dos usuários ocorreu, também, em razão da operação de um novo ferry boat, com capacidade para 1.500 passageiros e 70 veículos. A embarcação é a maior em operação no momento. O novo ferry, batizado de Cidade de Araioses, conta com rampa para acesso aos assentos para pessoas com restrição de mobilidade (cadeirantes, idosos, gestantes e mulheres com crianças de colo, etc.) e banheiro com acessibilidade (também equipado com rampa); sinalização indicando rotas de fuga e direcionamento; e todos os equipamentos de segurança necessários.

Desde o carnaval – período em que ocorre o maior fluxo de pessoas nos terminais – a Emap colocou em ação um plano integrado de melhoria para os terminais, que contou com a participação do Detran, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com as operadoras Serviporto e Internacional Marítima – que atuam nos terminais, além de parceria com a Prefeitura de São Luís, através da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) e de Obras e Serviços Públicos (Semosp).

A força-tarefa possibilitou a recuperação asfáltica e melhoria da iluminação pública do trecho de acesso ao terminal da Ponta da Espera, o que proporcionou mais segurança aos usuários. Os trabalhos foram de caráter emergencial naquele primeiro momento. O projeto para os terminais integra um plano de ação mais amplo, que prevê melhorias de infraestrutura tanto para o Terminal da Ponta da Espera quanto para o Cujupe.

Responsabilidades

  • Emap (Empresa Maranhense de Administração Portuária): Administração dos Terminais da Ponta da Espera e Cujupe; infraestrutura dos terminais (acesso, rampas e instalações físicas, elétricas e sanitárias); segurança portuária em terra; preservação ambiental na área dos terminais; e fiscalização das operadoras.
  • Operadoras de Ferryboat (Internacional Marítima e Serviporto): Venda de passagens; horários de viagens; embarcações extras; procedimentos de segurança dentro das embarcações; botes e coletes salva-vidas; capacitação e treinamento da tripulação; e limpeza dos ferryboats.
  • Capitania dos Portos: Garantir a segurança da navegação; auxiliar o serviço de salvamento marítimo; cumprir e fazer cumprir a legislação que regula o tráfego marítimo; fiscalizar a habilitação de condutores; e inscrever e fiscalizar embarcações.
  • Polícia Militar: Policiamento preventivo, ostensivo e de trânsito.
  • SMTT: Apoio na organização do tráfego de veículos.
  • Polícia Rodoviária Federal (MA): Apoio na segurança e no tráfego.

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger