Atletas do Tricolor são monitorados

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Sedel), em parceria com a Universidade Federal do Maranhão (Ufma), promove nesta segunda-feira (25) a realização de exames de acompanhamento e avaliação fisiológica e genética dos atletas, a começar pelos jogadores do Sampaio Corrêa Futebol Clube, durante a reapresentação do time. Por meio dos exames será possível identificar questões genéticas e de preparação física que apontarão o caminho para um desempenho melhor dos jogadores no futuro. A ação deverá se estender a outros clubes de futebol maranhenses.

O coordenador técnico do projeto, Mário Sevílio, explica que o acompanhamento dos atletas envolve três aspectos: fisiológico, genético e de controle de treinamento. “Esse projeto envolve vários caminhos de acompanhamento e avaliação da genética dos atletas. Vamos fazer coleta de sangue, avaliar os hormônios que servem como indicadores de estresse físico (cortisol, testosterona e creatinoquinase), além de fazer uso da termografia, que através de fotos revela a temperatura dos músculos do atleta”, afirma o coordenador.

De acordo com Sevílio, nas últimas três semanas os atletas do Sampaio estão usando aparelho que monitora a frequência cardíaca e distância percorrida nos treinos. Posteriormente, as avaliações e monitoramento se estenderão para o Moto Clube e Imperatriz, mas a pesquisa se aplica a qualquer outra modalidade esportiva. “Existe uma carência no cenário mundial de pesquisas desse tipo, que envolvam os polimorfismo e parâmetros físicos e fisiológicos do atleta. Nosso intuito é posteriormente publicar os dados colhidos em grandes revistas da área,” complementa.

O acompanhamento dos atletas do Sampaio será feito a partir das 8h30 desta segunda (25), na sede de treinamento do time (Turu), com participação da equipe que compõe o projeto de pesquisa e de representantes da Sedel. “O Governo do Estado buscou a Universidade Federal do Maranhão para fomentar um projeto de pesquisa que beneficiasse o futebol no estado”, afirmou o presidente da Comissão de Avaliação de Projetos Incentivados da Sedel, Leonardo Cordeiro.

Equipe de trabalho

O projeto de pesquisa é desenvolvido por três professores de educação física, uma bióloga, um farmacêutico, um nutricionista, além do coordenador técnico, Mário Sevílio e do coordenador geral e ex-fisiologista da Seleção Brasileira de Futebol, Doutor Emerson Silami.

Heloísa Vasconcelos

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger