Nordestino é líder do Brasileirão

Sport
Sport segue com 21 partidas seguidas sem perder na Ilha do Retiro
Depois de um difícil início de ano, o Sport conseguiu embalar em 2015 na hora certa. Além de ter conseguido duas vitórias importantes na Copa do Brasil recentemente, o time pernambucano também está invicto e na liderança do Campeonato Brasileiro. Essa condição foi conquistada neste domingo, após vitória por 1 a 0 contra o Coritiba, na Ilha do Retiro. Agora o Sport tem 7 pontos e supera Goiás e corinthians por causa do saldo de gols. Já o Coritiba segue com apenas três pontos, em 14º. Veja detalhes de cada lance do jogo.

O único gol do primeiro tempo não foi mérito do Sport, já que Welinton marcou contra em um lance bizarro, aos 28min. Mas o time pernambucano fez por merecer a vitória parcial, já que criou as melhores chances de gol na primeira etapa. Neto e Mike, por exemplo, quase marcaram em bonitos chutes de longa distância no começo. Já o Coritiba ficou sem reagir e praticamente nem assustou o goleiro Danilo Fernandes.

A reação paranaense só aconteceu após o intervalo. O técnico Marquinhos Santos soltou mais o time e até tirou um volante, Rosinei, para colocar o atacante Wellington Paulista, que quase marcou aos 12min. Durante vinte minutos, o time passou a produzir jogadas que fizeram qualquer um se perguntar "por que eles não fizeram isso no primeiro tempo?".

Mas depois disso, o Sport soube se reestabelecer no jogo, ganhou o meio-campo e diminuiu o ritmo da partida. Poderia até ter aumentado a vantagem, já que Joelinton quase fez um gol de cabeça aos 24min. O Coritiba só criou uma oportunidade, perdida por Paulinho, mas fez pouquíssima pressão para acabar com o embalo do Sport.

Terra

Nota do editor da Aldeia: Dirigentes, comissão técnica de atletas dedicaram a vitória de hoje e a liderança do campeonato foi dedicada a Zé do Rádio, o Torcedor Mais Chato do Mundo, morto esta semana. A mesma homenagem fora prestada na quinta, após a vitória contra o Santos pela Coa do Brasil. Veja a reportagem da Terra Esporte:

Apesar da vitória sobre o Santos pela Copa do Brasil , o torcedor rubro-negro do Sport Recife não teve motivos para comemorar nesta quinta-feira. Os leoninos perderam um dos principais símbolos da fanática torcida da Ilha do Retiro. Morreu, vítima de uma parada cardiorrespiratória, aos 69 anos, Ivaldo Firmino dos Santos, o Zé do Rádio.

Aldeia Global informa:
Morte de Zé do Rádio teve repercussão internacional

Quem ia ver o Sport na Ilha do Retiro não deixava de notar a presença do folclórico torcedor. Com a corneta afiada e o enorme rádio colado à orelha, Zé era um marcador implacável dos técnicos adversários. Tornou-se símbolo da torcida e ganhou o apelido de “torcedor mais chato do mundo", inclusive entrando no Livro dos Recordes.

Zé do Rádio
Zé do Rádio ao lado do boneco de Olinda feito em sua homenagem
De acordo com a nota de falecimento divulgada pelo Real Hospital Português de Beneficência, Ivaldo Firmino dos Santos, o Zé do Rádio, deu entrada no hospital na madrugada desta quinta em parada cardiorrespiratória. Foi reanimado e internado na Unidade de Recuperação Cardiotorácica, teve nova parada, mas não respondeu aos procedimentos dos médicos e morreu às 10h30 (de Brasília).

Zé do Rádio já havia passado por transplante do coração há 13 anos. O ilustre torcedor era portador de diabetes, tinha hipertensão e sofria com problemas renais crônicos. O corpo será velado hoje no cemitério Parque das Flores, no Recife, mesmo local do sepultamento previsto para esta sexta. A diretoria do Sport Club Recife prepara homenagens a um de seus mais ilustres torcedores.

Homenagem

Em nota publicada em seu site oficial, o Sport Club Recife demonstrou sua gratidão com os anos de dedicação de um dos torcedores mais ilustres do clube, como definiu a relação de Zé do Rádio com a paixão rubro-negra. O clube também enviará flores à família e um minuto de silêncio será respeitado na Ilha do Retiro, no próximo domingo, antes do jogo contra o Coritiba. Confira a nota:

Na manhã desta quinta-feira (21), o Sport perdeu um de seus mais célebres torcedores. Ivaldo Firmino dos Santos, mais conhecido como Zé do Rádio, não resistiu à uma parada cardiorrespiratória e faleceu no Hospital Real Português. Ele carregava com muito orgulho o título de torcedor mais chato do mundo. Alcunha estampada até no Guinness Book, em 2006. Com o tradicional rádio em cima do ombro - e no último volume -, um dos seus primeiros "alvos" foi Zagallo, em 1999. Comandando o time da Portuguesa, o ex-técnico da Seleção viu seu time perder para o Sport por 1 a 0 e ainda precisou aguentar as provocações de Zé. 
Ainda irritado, Zagallo reclamou do "torcedor chato" na televisão, sendo o suficiente para tornar Zé do Rádio conhecido nacionalmente. Depois de Zagallo, inúmeros técnicos seriam importunados pelo som do inseparável xodó de Zé: um General Eletric de 1961, que capturava oito faixas. De tão querido, Zé do Rádio recebeu diversas homenagens durante os 69 anos vividos, entre elas um boneco gigante que desfila todos os anos no Carnaval de Olinda. 
Em 2002, ele precisou se submeter a um transplante de coração, depois de passar cinco meses na fila de espera. Ao conhecer o pai de quem doara o órgão para ele, teve uma surpresa: o doador era alvirrubro. Mas nada abalou o que ele sentia pelo Sport e, 10 anos depois, ele participou da campanha de doação de órgãos do rubro-negro, o "Torcedor Doador". "O coração novo aumentou minha paixão pelo Sport", era o que dizia pelas bandas da Ilha do Retiro depois do transplante.

Veja os gols da vitória do Sport frente ao Santos:



João Paulo Di Medeiros, Terra

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger