Jaldes Meneses: Uber e Burrice

Uber
O Polêmico Uber está em SP, RJ e DF. Foto: Getty Images
Nunca vi tanta burrice espalhada como nesse debate sobre o Uber. Estou já sugerindo ao Ministro Renato Janine uma reavaliação da formação de nossos cursos de economia e administração, tanto disparate tenho lido desse pessoal. Procura-se resumir a questão do Uber a adoção de um aplicativo, quando, evidentemente, o tal aplicativo é apenas um dos instrumentos que compõem um pacote de serviços padronizados postos à venda no mercado na condição de franquia internacional. Se antes os serviços de taxi eram assunto de regulação municipal, em João Pessoa ou Nova Iorque, o pulo do gato do Uber é centralizar o poder sobre este serviço. Neste aspecto, o aplicativo é tão importante como a exigência de carro preto, a água mineral e - principalmente - os preços competitivos.

Aldeia Global também publicou do autor:
Parece até que desenvolver o aplicativo do Uber significa guardar o segredo da bomba atômica. Qualquer universidade de quinta categoria possui inteligência instalada com capacidade de desenvolver um aplicativo daquele tipo. No entanto, o que uma Universidade periférica, nem de longe, possui é a proximidade institucional e a cultura ambiente de negócios da dimensão das incubadoras de projetos, por exemplo, de uma Harvard ou de uma Stafford - âmbito no qual as universidades americanas são imbativies. Neste aspecto, existem milhares e milhares de serviços, novos ou adaptados, à disposição da imaginação do complexo da inovação universitária, intrinsecamente ligado aos grandes mercados de ações (houve quem se espantasse que o Uber seja, hoje mais cotado que a Petrobras, outra evidente bobagem) e à mídia. O Uber, desligado da institucionalidade descrita, não é nada, no máximo um aplicativo de adolescentes nerds de rosto espinhento.

O Uber é somente um dos começos. O processo combinado de criação destrutiva que reúne numa só capsula informatização e organização do controle de serviços abre uma frente de expansão inimaginável ao capital, que pode submeter e organizar tantos padrões de serviços que a nossa vã filosofia possa conceber e imaginar. Daqui a pouco estaremos padronizando aplicativo e serviços, com ações em bolsa, de clínicas veterinárias nota 10 para cachorrinhos de madame, se já não existe.

Jaldes Meneses

Nota do editor da Aldeia: Jaldes Meneses é professor de História da Filosofia da Universidade Federal da Paraíba e editor do Blog Campo de Ensaio.

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger