Festival de Folclore é encerrado no Arthur Azevedo

Uma noite de espetáculos com apresentações de grupos folclóricos de vários estados brasileiros e de países como Peru, México, África do Sul e Estados Unidos marcou o encerramento do II Festival Internacional de Folclore do Maranhão na noite de segunda-feira (14), no palco do Teatro Arthur Azevedo. Durante o evento, o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Marlon Botão, que representou o prefeito Edivaldo na solenidade, reafirmou o compromisso da Prefeitura de São Luís de continuar eventos desta envergadura por entender sua importância para projeção da cidade no mundo.
Clique na imagem veja lindo álbum. Foto: Lauro Vasconcelos
"Eventos como este proporcionam o intercâmbio com outras culturas. São Luís é uma cidade marcada pela diversidade cultural. Para nós, recepcionar todos esses grupos foi um momento de congratulação e felicidade, sem dúvida. Temos o privilégio de recebê-los hoje nesta casa, que é o templo da nossa cultura", disse Marlon Botão.

O festival, iniciado no dia 9 de setembro na Praça Maria Aragão, integrou o calendário das comemorações de 403 anos de fundação de São Luís organizado pela Prefeitura. Os ingressos do encerramento foram trocados por um quilo de alimento não perecível em uma campanha de solidariedade.

Quatro grupos internacionais, dos cinco que participaram do festival, um grupo do estado do Ceará e dois do Maranhão se apresentaram na cerimônia oficial de encerramento. Dos grupos que participaram dos quatro dias de realização do festival, estiveram ausentes apenas os grupos da Itália e do Pará, e o Boi de Nina Rodrigues. O grupo folclórico de bumba-meu-boi Brilho da Ilha abriu o espetáculo, seguido dos grupos do Peru, México, África do Sul, Estados Unidos e do Ceará. O Boi Pirilampo foi o último a se apresentar no palco do Arthur Azevedo.

"São Luís alcança o Brasil e o mundo inteiro recepcionando estes grupos que trazem para nós o conhecimento de novas culturas", disse o presidente Marlon Botão. O festival internacional de folclore do Maranhão é promovido pelo Conselho Internacional de Organizações de Festivais de Folclore e Artes Populares, parceiro oficial da Unesco. Em São Luís, o festival foi coordenado pelo promotor cultural Cláudio Sampaio, do boi Brilho da Ilha.

No final dos espetáculos, o presidente da Func participou da troca de lembranças culturais com os grupos folclóricos internacionais. Marlon Botão entregou ao grupo dos Estados Unidos um álbum de fotografias de São Luís de autoria do maranhense Meireles Júnior. O representante do grupo Fulô do Sertão, do município de Senador Pompeu, Ceará, disse que o festival possibilita festejar a cultura folclórica do Brasil e do mundo, sobretudo, promovendo a troca de experiências.

Para o maestro Juan, do México, o sucesso do festival em São Luís deveu-se em parte à hospitalidade demonstrada pela população. "A despedida sempre é dolorosa quando as coisas são bonitas como as que nós assistimos ao longo destes dias de realização do festival internacional de folclore, mas esse é o ciclo natural da existência", concluiu Marlon Botão.

Carolina Nahuz

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger