Prefeito Edivaldo amplia serviços de acupuntura

Pacientes da rede municipal de saúde contam com mais um procedimento para tratamento doenças. Desde maio deste ano, as Unidades de Saúde da Família da Cohab-Anil I e Turu II estão realizando acupuntura. Esse novo serviço integra os investimentos da gestão do prefeito Edivaldo na ampliação do acesso da população à integralidade na atenção à saúde, com ênfase na atenção básica.

"Nossa rede de saúde municipal tem expandido os serviços oferecidos para que os usuários do sistema possam ter mais qualidade no tratamento, na prevenção. Temos trabalhado para que o atendimento seja ainda mais humanizado e para que a cada dia o alcance de nossas ferramentas na área da saúde seja ampliado", disse o prefeito Edivaldo.
Prefeitura amplia serviços de acupuntura oferecidos aos pacientes da rede de saúde de São Luís. Fotos: Maurício Alexandre

A secretária municipal de Saúde, Helena Duailibe, diz que a adoção de novos vínculos terapêuticos complementa a assistência da rede de saúde. "Em 2006, o Ministério da Saúde aprovou a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares no SUS, o que abriu possibilidades de utilizarmos mecanismos naturais na prevenção de agravos e recuperação da saúde. A partir de uma determinação do prefeito Edivaldo, começamos a preparar as nossas unidades para oferecer a acupuntura, que pode aliviar dores e intervir não apenas para evitar a doença, mas também para gerar qualidade de vida", afirma a titular da Semus, Helena Duailibe.

Cerca de sete pacientes passam pelo tratamento diariamente, mas a nova terapia tem despertado o interesse de muita gente. A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) contabiliza 446 atendimentos - realizados até outubro deste ano - com 654 procedimentos.

O professor Élisson Ferreira, de 38 anos, é um dos pacientes do programa. Ele diz que já conhecia a acupuntura, e por indicação médica, procurou a USF Cohab para o controle da hipertensão. "O tratamento está me trazendo ótimos resultados, pois estou conseguindo manter a pressão arterial nos níveis normais, com a acupuntura, medicação leve, alimentação adequada e atividade física", conta.

O terapeuta Sílvio Rocha Duarte, responsável pelo programa, explica que antes de submeter às sessões de acupuntura o paciente precisa ser avaliado e encaminhado por um profissional de saúde, e ressalta que a técnica pode tratar diversos problemas. "A acupuntura é um tratamento complementar, indicada principalmente para controle de dores crônicas e agudas, mas pode ajudar no caso de problemas gastrointestinais, respiratórios, musculares, rinite e sinusite, entre tantos outros", diz.

Pessoas acometidas por stress, ansiedade e síndrome do pânico também podem recorrer à acupuntura. Em média, o tratamento leva dez sessões de 20 minutos cada, mas o paciente passa por uma nova avaliação antes de receber a alta.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera a acupuntura um tratamento complementar da medicina moderna.

Saiba Mais

A acupuntura é uma técnica de intervenção terapêutica da Medicina Tradicional Chinesa que consiste na estimulação de pontos estratégicos do corpo com o uso de agulhas. Há mais de dois mil anos, os orientais acreditam que a acupuntura funciona porque ajusta os canais energéticos do corpo, promovendo o equilíbrio do organismo.

Carolina Nahuz

#...#

Disqus Comments


© 2017 Aldeia Global TV - Template Created by goomsite - Proudly powered by Blogger